Patagônia Argentina rompe quarentena e libera a pesca esportiva

Está autorizado, com restrições, o pesque e solte na Província desde o dia 16 de maio

Por Laís Vanessa - 26/05/2020 em Notícias / Turismo - atualizado em 29/05/2020 as 14:07

Uma ótima notícia para a pesca esportiva. Como já  noticiamos, aos poucos o turismo vai retomando as atividades, seguindo todos os cuidados necessários. E agora foi a vez da Patagônia Argentina flexibilizar os serviços de pesca esportiva.

Desde o dia 16 de maio, a Província de Chubut autorizou a pesca esportiva, se tornando a primeira província do país vizinho a ter essa liberação. O que é motivo de comemoração para os apaixonados pelo esporte. Mas, atenção: está liberado, sim, mas com cuidados. 

Um dos locais abertos é o rio Futaleufú, cenário de pesca de fly, onde inclusive Kid Ocelos, apresentador do Na Pegada do Fly, viveu grandes emoções. “Fui três vezes em Chubut, e em duas delas, no meu aniversário. É um rio fantástico, grande, muito lindo, permite várias formas de pesca de fly. Se pesca boas trutas marrom e arco-íris. Quero voltar”. O decreto diz que até 31 de maio, a pesca com devolução é obrigatória, além de ser permitido somente fly fishing com anzol sem farpa e pesca sem motor. 


Veja os outros locais liberados: 

Lago Musters - possibilidade de pesca durante todo ano, com embarcação sem motor.

Laguna La Zeta - habilitada para pesca todo ano, proibida navegação com motor.

Lago Pellegrini ou Mosquito - pode pescar todo ano, mas também com embarcação sem motor. Para navegação é permitido somente alguns tipos de motores, com menos potência. 

Lago Rosário - pode pescar todo o ano. Autorizados somente motores de baixa potência. Modalidades permitidas: fly flishing, spinning. Em alguns pontos está permitida a pesca de corrico. 

Laguna Terraplén - permitido pescar durante todo ano.

Florentino Ameghino - permitida a pesca durante todo o ano, somente embarcada, com propulsão a motor. 

Com restrições e cuidados, aos poucos, o turismo de pesca vai retomando as atividades. A direção de pesca continental, reforça os cuidados de saúde. Fica proibido o uso compartilhado de materiais, distanciamento social de dois metros, uso de máscaras, e cumprir todas as medidas de higiene. Mas, é sempre bom lembrar sempre, que ao viajar, esteja consciente da sua saúde, para garantir a pesca com segurança. 

Veja a notícia na TV: 


Avalie esta notícia:

MAIS NOTÍCIAS