Federações de pesca esportiva de diferentes estados se manifestam

Ações como diálogos com representantes do poder público e planejamentos de competições estão sendo realizadas

Por Priscila Gomes - 24/04/2020 em Notícias / Política - atualizado em 24/04/2020 as 13:14

As federações, que representam vários estados do Brasil e são filiadas à Confederação Brasileira de Pesca Esportiva (CBPE), se manifestaram em relação ao trabalho que vem fazendo na época de pausa das atividades por conta do coronavírus. Denilson Pellini Bonancea, presidente da Federação Mineira de Pesca Esportiva, ressalta que o período de ficar mais em casa é também uma oportunidade para refletir sobre a importância do esporte para a preservação ambiental. “Além disso, é divertido e saudável praticar arremessos em nossos lares”, ressalta. 

Antonio Júnior, presidente da Federação Paranaense de Pesca Esportiva, destaca ainda que o retorno aos poucos para a pescaria é uma contribuição para evitar a proliferação do vírus. “Quando formos voltando vamos perceber locais ainda mais preservados”, diz. Enquanto isso, os empreendimentos de turismo de pesca esportiva já estão se preparando para receber os turistas novamente. “Tenho entrado em contato com a rede hoteleira e muitos aproveitaram esse tempo para fazer várias melhorias nas estruturas”, conta Ivan Miraldo, presidente da Federação Paulista de Pesca Esportiva. 


A Federação Mato-Grossense de Pesca Esportiva também está mantendo contato com os representantes da cadeira do turismo da região. “Estamos também dialogando com o poder público com o objetivo de buscar iniciativas de apoio para a retomada das atividades”, destaca o presidente, Marcelo Basílio. Além do ramo turístico, as instituições estão lançando olhar para as competições. 

Em Pernambuco, o período de quarentena foi dedicado para planejar um evento que deve acontecer ainda em 2020. “Aproveitamos para organizar o regulamento e outros detalhes do primeiro campeonato de pesca de tarpon de caiaque, em Recife. A perspectiva é que a ação traga ainda mais visibilidade para o Estado”, conta Sérgio Marchioni, presidente da Federação Pernambucana de Pesca Esportiva. 

A Federação Catarinense de Pesca Esportiva, que em breve será oficializada, também destaca os trabalhos em prol dos eventos de competição. “Temos grandes projetos para esse ano como um circuito nacional. Estamos empenhados, logo esse período irá passar”, diz o presidente, André Beluga.

Abaixo você confere o drops dessa notícia:


Veja as declarações completas dos presidentes:

Denilson Pellini Bonancea, presidente da Federação Mineira de Pesca Esportiva;


Antonio Júnior, presidente da Federação Paranaense de Pesca Esportiva;


Ivan Miraldo, presidente da Federação Paulista de Pesca Esportiva;


Marcelo Basílio, presidente da Federação Mato-Grossense de Pesca Esportiva;


Sérgio Marchioni, presidente da Federação Pernambucana de Pesca Esportiva;


André Beluga, presidente da Federação Catarinense de Pesca Esportiva.  


Avalie esta notícia:

MAIS NOTÍCIAS