Meros do Brasil trabalha em defesa de peixe ameaçado

Iniciativa existe desde 2001, sempre com ações de preservação do mero

Por Alison Mota - 19/08/2020 em Notícias / Meio Ambiente - atualizado em 28/08/2020 as 11:29

Conhecido como “gigante do mar” e senhor das pedras”, o mero (epinephelus itajara) é um peixe que, por conta da caça indiscriminada, poluição dos mares e escassez de habitat, foi incluído na lista vermelha de espécies ameaçadas de extinção da Internacional Union for Conservation Nature (IUCN) com o status de espécie criticamente ameaçada. Para reverter esse quadro e agir em favor do animal, desde 2001 o projeto Meros do Brasil realiza ações com o objetivo de não apenas preservar o peixe, mas também conservar os ambientes associados, como recifes de corais, manguezais e ambientes rochosos.

Desde 2007, o projeto é patrocinado pelo Programa Petrobras Ambiental, tendo sido iniciado através de uma parceria entre Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e a ONG de Proteção a Vida Marinha (Vidamar), que realizavam ações de preservação do mero em Santa Catarina. Com estudos aprofundados envolvendo as comunidades locais com o conhecimento dos pescadores de cada região, o projeto Meros do Brasil desenvolve ferramentas e meios para conscientização ambiental e proteção da espécie no seu habitat natural. Assim, são três as linhas de atuação da iniciativa:

-Pesquisa e Conservação: coleta de informações sobre a bioecologia da espécie, investimento no conhecimento ecológico dos pescadores como fonte de informações.

-Gestão Ambiental: avalição das pesquisas e resultados obtidos, proporcionando a extensão das informações sobre o projeto para a população.

-Educação e Comunicação Ambiental: Complementação dos trabalhos com atividades de educação e comunicação ambiental, buscando inserir a proposta do projeto no cotidiano dos moradores das localidades que recebem as ações, gerando sensibilidade para o tema.

Quer conhecer mais sobre o trabalho realizado pelo projeto Meros do Brasil? É só clicar aqui para ser redirecionado ao site deles. Lá você encontra fotos e muitos outros detalhes dessa iniciativa em prol da conservação de uma espécie tão importante e que precisa continuar ocupando seu espaço na natureza. 

Veja a notícia na TV:


Foto: Suene Ramalho

Avalie esta notícia:

MAIS NOTÍCIAS