Paixão pela pesca esportiva que nasce na infância

Conheça a história do pescador Lucas Rufino

Por Alison Mota - 15/11/2020 em Notícias / Geral - atualizado em 15/11/2020 as 21:57

Aqui na Fish TV, nós sempre trabalhamos com a divulgação do pesque e solte, mostrando como a pesca esportiva é a ferramenta ideal para que se continue a pescar sem causar impactos negativos no meio ambiente, além de preservar a natureza para que as futuras gerações possam desfrutar do nosso esporte. E por falar na nova geração, como é importante vermos a formação de novos praticantes do esporte da pesca, como é o caso de Lucas Rufino, que desde os seus 6 anos de idade já tem foto com peixe na linha.

Tudo começou com a pesca de tilápias em um pesqueiro aonde ia com sua família, usando apenas a boa e velha varinha de bambu. Já com 7 anos, ganhou a sua primeira vara com molinete, conseguindo partir para novas aventuras na pesca, como a pescaria das esportivas matrinxãs. No vídeo abaixo, Lucas diz que foi incentivo a gravar por dois apresentadores da Fish TV que admira: Kid Ocelos e Gaba Athanazio. Confira completo:

 

Ao ver que o vídeo saiu, Kid ficou muito contente por vários motivos. Além de ver a evolução de Lucas, entende que o seu programa, o Na Pegada do Fly, sempre foi um dos preferidos das crianças, principalmente por conta dos desenhos que cria em cada episódio. “Se formos analisar a pesca esportiva, ela é muito sadia, trazendo a aproximação entre familiares e também da natureza, e creio que isso é bastante benéfico para as crianças. Eu acho muito legal como elas se aproximam do Na Pegada do Fly, e eu sempre busco levar uma ideia de preservação em cada episódio, gosto de ter essa responsabilidade de ensinar algo bom para os pequenos. Eu acredito que a solução está nas crianças”, afirma Kid.

Seus pequenos também têm uma história com a pesca esportiva? Então conte para a gente, nós sempre ficamos felizes em receber de vocês tantas coisas positivas, o que nos motiva a seguir, junto com vocês, a levar a prática do pesque e solte em todas as plataformas que pudermos.  

Avalie esta notícia:

MAIS NOTÍCIAS