ABPM enfrenta pandemia com atividades online

Membros da associação se mantém ativos ainda que à distância

Por Alison Mota - 23/06/2020 em Notícias / Geral - atualizado em 23/06/2020 as 13:11

Em tempos de distanciamento social imposto pela pandemia do COVID-19, workshops de pesca esportiva tornam-se raros presencialmente. Pensando nisso, a Associação Brasileira de Pesca com Mosca (ABPM) criou diversas atividades à distância, engajando os membros através de seminários e discussões online.

O presidente da ABPM, Jean Michel de Moura, explica que a proposta dos seminários online foi criada para continuar a difundir o conhecimento de fly fishing, já que a pandemia não permite aglomerações. “Os webnários, como chamamos, na verdade são um bate-papo descontraído e acontecem em grupos distintos com assuntos de interesse do mosqueiro, quer sejam técnicas de pesca ou atado ou sobre algum peixe em específico. Durante o encontro, seguimos compartilhando as experiências vividas pelos membros”, conta.

Sobre a recepção dos pescadores ao novo formato, o presidente diz ter sido bem recebido. “A aceitação foi ótima, pois informações direcionadas ao tipo de pesca que você pratica são difíceis de encontrar. Procuramos trazer, também, pessoas de renome na pesca com mosca para compartilhar conhecimento conosco e isso atrai a atenção do mosqueiro brasileiro”, relata.


Entre os associados que participaram do último seminário online estava Lucas Landim. Ele que é membro recente, aprovou o formato digital proposto pela ABPM. “As dicas são muito preciosas, tanto sobre equipamento e atado, quanto para trabalho das iscas. Às vezes a dúvida surge sobre como efetuar trabalho em rio estreito, por exemplo, e o pessoal está sempre disposto a compartilhar as experiências explicando a técnica e posicionamento adequado pra fazer o trabalho das iscas”, explica.

Os seminários são exclusivamente para associados da ABPM, com as datas de cada atividade sendo divulgadas dentro dos grupos fechados. Porém, uma vez por mês acontece uma versão aberta ao público em geral, sempre divulgada nas redes sociais da associação. 

Veja a notícia na TV:


Avalie esta notícia:

MAIS NOTÍCIAS