Embrapa e Governo do Tocantins firmam parceria para qualificar piscicultura

Estado e entidade já estão trabalhando na criação de espécies de cultivo

Por Alison Mota - 15/02/2021 em Notícias / Aquicultura - atualizado em 15/02/2021 as 18:33

Buscando implementar a piscicultura no Tocantins, o Governo local firmou parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Em evento realizado há alguns dias, apresentaram para empresários ligados ao setor, gestores municipais e estaduais o trabalho desenvolvido na primeira Unidade de Criação de Tilápias em tanque rede no Estado, que fica no município de Brejinho de Nazaré.

Presente no encontro, a titular da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), Miyuki Hyashida, falou sobre a importância de esclarecer sobre a criação de tilápias, e que a parceria com a Embrapa vai ao encontro da política de consolidação da cadeia da piscicultura no Estado. “A Embrapa mostrou, por meio de dados, a viabilidade de aumentar módulos de produção de tilápias em tanques-rede em reservatórios de usinas hidrelétricas do Estado, claro que obedecendo todos os protocolos de segurança exigidos por lei”, destaca.

Jaime Café, gestor da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), ressaltou a determinação do Governo local para desburocratizar o sistema e facilitar a instalação de novas empresas do setor aquícola no Tocantins. “De modo especial, a orientação é para estimular as políticas públicas voltadas ao pequeno agricultor,  para que a agricultura familiar ingresse na atividade, imprimindo esforços para que as medidas ganhem escala e, consequentemente, mais mercado, fazendo com que o custo de produção diminua e tenha maior lucratividade”, comenta.

Foto: divulgação

Destacando a importância da participação dos gestores municipais na construção dos projetos, também cumprimentando a nova gestão da Embrapa, Fabiano Miranda, presidente do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) diz que a piscicultura no Estado precisa se tornar cada vez mais rentável e atrativa aos produtores. “Precisamos deixar o status de potencial e virar uma realidade: produzir peixe para alimentar a população. Este é o anseio do nosso governador, impulsionar a cadeia produtiva da piscicultura, especialmente da tilápia. Para isso, o Governo está com uma política de crédito de R$ 10 milhões, via Agência de Fomento para viabilizar projetos de piscicultura na região de Gurupi, e o Ruraltins entra como parceiro desde a elaboração do projeto à assistência técnica da atividade ao produtor rural”, descreve.

Renato Jayme, presidente do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), destacou que as medidas citadas por Miranda são compromissos do Governo na busca por acelerar o desenvolvimento social e econômico do Estado.  “O que compete ao Naturatins estaremos dando celeridade às atividades de licenciamento sempre observando as exigências da legislação ambiental. É válido ressaltar o trabalho de alta qualidade da produção científica que a Embrapa vem desenvolvendo, o que traz segurança para a produção da tilápia e também para os nossos recursos naturais”, explica.

Avalie esta notícia:

MAIS NOTÍCIAS