Loader

Peixe-leão: a ameaça continua

Projeto Conservação Recifal continua monitoramento da espécie que pode causar prejuízos aos ecossistemas marinhos e à economia local no Alagoas e Pernambuco

Por FishTV - 16/12/2015 em Notícias / Meio Ambiente


Há dois anos, a Fish TV vem publicando notícias sobre o registro e expansão do peixe-leão em águas brasileiras. Neste tempo biólogos estão promovendo em Alagoas e Pernambuco uma campanha para saber se exemplares da espécie considerada invasora e peçonhenta já estão presentes no mar do Nordeste. Até o momento, só há relatos desta espécie no mar do estado do Rio de Janeiro.

Leia mais:



O alerta realizado pelo Projeto Conservação Recifal, através de campanhas em comunidades pesqueiras, clubes de pesca e operadoras de mergulho e turismo, pretende monitorar a presença do peixe-leão e atuar para evitar que a espécie provoque um desequilíbrio ambiental na região, já que o animal, que é resistente às condições de temperatura e salinidade, não possui muitos predadores no oceano atlântico.

Monitoramento

Segundo o coordenador do projeto, Pedro Henrique Cipresso Pereira, o Conservação Recifal é a primeira iniciativa brasileira para alertar as comunidades pesqueiras e operadoras de mergulho sobre o risco eminente da bioinvasão do peixe-leão. "O peixe-leão (lionfish) é uma espécie nativa do Oceano Pacifico que se tornou a pior espécie invasora nos recifes de corais do Caribe. Esta espécie vem causando um grande desequilíbrio neste ecossistema, pois consome rapidamente invertebrados e larvas de outros peixes", conclui. 

Leia mais:



MAIS NOTÍCIAS