Loader

Tambaquis de Manaus estão menores e mais difíceis de capturar

De acordo com pesquisa, o consumo do peixe é causa do problema

Por FishTV - 31/07/2017 em Notícias / Meio Ambiente

Em artigo publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS), o biólogo britânico Daniel J. Tregigdo e outros autores indicam que o consumo de tambaqui em Manaus causa efeitos na população de peixes a até mil quilômetros rio acima, no Purus. Entrevistas com 392 pescadores confirmam que perto da cidade tanto o tamanho do peixe quanto as taxas de captura caíram pela metade.

Em regiões mais distantes do rio Purus, a pesquisa registrou que, em média, os peixes capturados pesavam entre 19 e 24 quilos, enquanto mais perto da foz, no Rio Solimões, a média era de 8 a 11 quilos.

Os resultados são importantes porque mostram os efeitos da urbanização sobre a floresta. Dois terços da biodiversidade do planeta estão em áreas tropicais. Nestas regiões, o rápido aumento da população humana, a urbanização e mudanças econômicas estão levando a um aumento da demanda das cidades por alimentos. De acordo com Tregigdo, é dada bastante atenção à expansão de fazendas para a produção de carne, mas recursos de pesca e da vida selvagem também são importantes para milhões de pessoas que vivem nos trópicos.

A boa notícia é de que, pelo menos por enquanto, não há risco de extinção do tambaqui. Entretanto, a redução no tamanho afeta o consumo, afinal um tambaqui de 30 quilos alimenta muito mais gente do que um de 8 quilos. Também há efeitos sobre a floresta, já que um tambaqui grande pode dispersar sementes em distâncias maiores, enquanto os menores não fazem um trabalho tão eficaz.

O biólogo não vê a proibição da pesca como solução para o problema. De acordo com ele, isso criaria mais um problema para os pescadores. O ideal seria aproveitar mais a diversidade dos peixes amazônicos e aumentar a variedade de espécies consumidas em Manaus. 

Daniel J. Tregidgo passou oito meses convivendo com ribeirinhos do Rio Purus, interior de Manaus.

MAIS NOTÍCIAS