Loader

Bactérias encontradas em represa de São Paulo oferecem riscos à saúde

Testes realizados na represa Billings mostraram que a água está contaminada

Por FishTV - 06/02/2015 em Notícias / Meio Ambiente

Uma das medidas emergenciais anunciadas pelo governo para garantir o abastecimento à população paulista, é a utilização da água da represa Billings. Porém testes realizados mostraram que a água do manancial está contaminada por bactérias nocivas à saúde e que podem levar à morte. 

A represa Billings tem capacidade para 1,2 trilhão de litros de água, e atualmente está com 60,8% do reservatório disponível. (Imagem: Reprodução)


Segundo os testes, a represa possui concentração de coliformes fecais cem vezes maior do que o estabelecido pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). Foi constatada a presença das bactérias salmonela, shigella e Escrerichia coli, muito comuns em águas poluídas, especialmente em esgotos, e que causam gastroenterite, infecção urinária, diarreias com sangue e até perfuração no intestino. 

A Sabesp afirma que tem capacidade de tratar a água da Billings. Levando em conta, que parte de seus reservatórios já são levados para a represa de Guarapiranga e outra parte para a região do ABC.


Fonte: Terra

MAIS NOTÍCIAS