Galápagos em estado de emergência

Navio com carga poluente está encalhado há mais de uma semana próximo às ilhas

Por FishTV - 06/02/2015 em Notícias / Meio Ambiente

Nesta última quarta-feira (04) o Equador decretou estado de emergência preventivo nas ilhas Galápagos - consideradas Patrimônio Natural da Humanidade -, após o encalhe de um navio com carga poluente.  Conforme as autoridades, a situação não representa risco iminente sobre o ecossistema local, porém a declaração de emergência vai garantir a transferência de recursos, em caso de dano ecológico. 

O arquipélago de Galápagos serviu de laboratório natural para o cientista inglês Charles Darwin, autor da teoria sobre a evolução das espécies. (Imagem: Reprodução/Getty Images/Uol)


O navio "Floreana" encalhou em 28 de janeiro na baía Naufragio, de Puerto Baquerizo Moreno, capital da ilha San Cristóbal. A embarcação possui cerca de 1.400 toneladas de carga, incluindo suprimentos e substâncias perigosas, como galões de combustível, óleo de pinha, gás de cozinha e emulsão asfáltica. 

Os produtos perigosos já foram retirados, segundo o Comitê de Operações de Emergência, que solicitou ao dono do navio a retirada da embarcação da reserva marinha para prevenir futuros danos ambientais. 

Imagem mostra embarcação encalhada na parte esquerda e manchas na costa da ilha. (Imagem: Reprodução/G1)


Esta não é a primeira vez que um navio fica encalhado nas ilhas Galápagos. Em maio do ano passado uma embarcação com mais de 19 mil galões contendo diesel e lubrificante, sofreu sérios danos em seu casco e ficou parado perto de San Cristóbal. Em 2001 o navio-tanque "Jéssica" também naufragou com 240 mil galões de combustível, gerando graves problemas ambientais para a região. 

Fonte: Uol
Avalie esta notícia:

MAIS NOTÍCIAS