Loader

Meteoro do tamanho de uma casa pode ter formado cratera na Antártica

A abertura mede dois quilômetros de diâmetro e é composta por gelo partido

Por FishTV - 14/01/2015 em Notícias / Geral

Enquanto sobrevoava o norte da estação de pesquisa da Princesa Elisabeth, da Bélgica, no dia 20 de dezembro, o cientista alemão Christian Müller localizou uma estrutura curiosa, que se destacou em meio a uma imensidão de gelo do leste da Antártica. A curiosidade trata-se, na verdade, de um buraco deixado por um meteorito que teria atingido a Terra há mais de 25 anos. 

Cientistas não descartam a possibilidade de o buraco ter sido originado por um grande impacto. (Imagem: Divulgação/ Instituto Alfred Wegener)


A abertura, que mede dois quilômetros de diâmetro, é circular e composta por gelo partido e amassado, é uma formação bastante curiosa numa área do continente onde o gelo costuma ser macio na superfície. Para causar este "estrago", o meteoro teria que ser do tamanho de uma casa. Para se ter uma noção, geralmente, o objeto é de dez a 20 vezes menor do que a própria cratera. Isso quer dizer que a rocha espacial mediria cerca de 100 metros de largura.

Müller chegou a pensar que a cratera havia sido formada por um meteoro que atingiu o leste da Antártica em 2004. Mas, recentemente, a equipe alemã descobriu, depois de analisar imagens de satélites, que as formações são, no mínimo, de 1996.


Fonte: O Globo 

Avalie esta noticia:

MAIS NOTÍCIAS